A Associação espanhola África Avanza está disponível para aprofundar com Cabo Verde a cooperação no sector da saúde, alargando-a aos livres cuidados médicos, cirurgias, formação e manutenção de equipamentos. A informação foi avançada à margem de uma ação de formação que a associação ministrou recentemente na cidade do Mindelo, São Vicente, aos enfermeiros dos principais hospitais do país.

Neste momento, encontra-se no Sal, uma equipa de três médicos voluntários da África Avanza para executar várias cirurgias de Urologia, até o próximo domingo, 1 de Outubro, no âmbito da 23ª missão “Médicos Solidários para Cabo Verde”. Na última visita, em Agosto último, além de formar enfermeiros e dar consultas, trouxeram pela primeira vez um especialista em manutenção de equipamentos médicos.

“Em relação à revisão e reparação de equipamento médico, os resultados foram muitos positivos, já que foram monitorizados 55 equipamentos onde foram atribuídos etiquetas para garantir o seu acompanhamento futuro e rastreabilidade. Das 25 analisadas, 10 equipamentos avariados foram reparados, nove receberam trabalho preventivo de manutenção, quatro não possuíam peças sobressalentes e duas estavam irremediáveis.”, avançou fonte da África Avanza à inforpress.

A associação conseguiu ainda instalar e colocar em funcionamento dois mini auto-claves e um equipamento designado para cirurgia de oftalmologia de catarata. Para a instituição, essas ações abrem “novos caminhos” para uma futura cooperação com o sector da Saúde em Cabo Verde e complementam o trabalho de cirurgias livres e cuidados médicos que há quatro anos compõem o programa de “Médicos Solidários para Cabo Verde”, da Associação Espanhola África Avanza.

Entretanto, na última semana, a África Avanza promoveu no Mindelo um curso técnico-prático sobre “Limpeza, desinfeção e esterilização de material e instrumentos sanitários para 33 enfermeiros provenientes dos hospitais mais importantes do país (HAN-Praia, Santiago Norte, HBS-São Vicente, Santo Antão, Fogo e Sal). Na forja a associação tem já novos cursos de formação, nomeadamente complemento para a cooperação cirúrgica e saúde.

Para o Ministério da Saúde de Cabo Verde, estas ações de formação e manutenção técnica abrem caminhos novos e interesses para uma futura cooperação com a saúde no país e complementam o trabalho de cirurgias livres e cuidados médicos, que há quatro anos compõem o programa "Médicos Solidários para Cabo Verde".

África Avanza é uma associação independente, sem fins lucrativos, formada por profissionais solidários e voluntários, experimentados em diversos campos, que disponibilizam o seu tempo, conhecimento e próprios recursos económicos, de forma desinteressada, em prol dos mais necessitados. Esta ONG desenvolve há quatro anos com o Hospital Regional do Sal um programa de cooperação médica denominada “Médicos Solidários para Cabo Verde.